quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Uma linda história romântica

NAMORADO: Amor, tenho uma coisa pra te contar! *-*


NAMORADA: Eu também, deixa eu começar ...

NAMORADO: Sim amor, mas ouça... EU TE AMO! *-*

NAMORADA: Então, sabe o que sonhei contigo? Foi um sonho lindo e... Você sabe o que foi? Que nós estávamos num jardim florido ... Era uma Primavera ensolarada! Nós estávamos juntinhos, andamos de mãos dadas e como eu sempre te disse: Meu sonho é ser feliz, uma mulher amada, acolhida, e agora o sonho virou realidade... a vida é tão bela, encontrei um verdadeiro amor, você me trouxe para o mundo da paz e faz a minha vida melhor...

NAMORADO: Ai que amor! Já pensou nós dois entrando no mar de mãos dadas?

NAMORADA: Oh que lindo! Vamos viver um momento belíssimo.

NAMORADO: Então! Vamos curtir esse lindo dia de sol! A gente entra no mar de mãos dadas, se agrada bem muito e curte esse sol gostoso! Ai que momento maravilhoso! O amor é lindo! Ouvir sua voz suave e agradável, trocar agradinhos, carícias, beijos e carinhos, se acolher em abraços aconchegantes, tomar sol bem juntinhos... Sabe o que mais quero? Viver cada vez mais lindos momentos como esse!

NAMORADA: Ouça o que eu vou te dizer

NAMORADO: Você é a flor que perfume o meu jardim e que faz a minha Primavera bonita, a estrela que ilumina a minha vida e que me faz muito feliz

NAMORADA: Te amo, meu amor! Você é o bem-estar e a paz que a minha vida precisava. Agora eu sou 100% feliz.

NAMORADO: Você é mais do que eu esperava! Vamos ser felizes!

Mulheres, deixo com vocês esse conto. Ele está aí. Fiz esse conto pra vocês com muito gosto. Respeito vocês como pessoas e como mulheres, sou uma pessoa muito sensível e sincera, amo vocês de coração e quero sempre o melhor pra vocês. Sintam o amor, o carinho, a maciez, a delicadeza, a suavidade, o bem-estar, a paz e a felicidade tomando conta de vocês. Entreguem-se a esses sentimentos que estou lhes transmitindo com esse conto. Se entreguem a essa leitura leve, agradável, delicada, suave, macia, acolhedora, amorosa e carinhosa que estou lhes dando.

Por Rui Ricardo Soares Melo Filho
Criador deste blog e deste conto

Nenhum comentário:

Postar um comentário